Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Em semana de revolução aqui fica uma bonita canção:

 

Livre (Não há machado que corte)

 

Não há machado que corte

a raíz ao pensamento.

Não há morte para o vento.

Não há morte!

 

Se ao morrer o coração,

morresse a luz que lhe é querida.

Sem razão seria a vida.

Sem razão!

 

Nada apaga a luz que vive

num amor num pensamento.

Porque é livre como o vento.

Porque é livre!

 

Letra: Carlos Oliveira

Música: Manuel Freire

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Afixado às 16:50


Formulário de Inquirição:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.




calendário

Abril 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Autos Mais Inquiridos




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D